quinta-feira, 16 de maio de 2019

MP aponta indícios de ‘organização criminosa’ em gabinete de Flávio Bolsonaro desde 2007


Quebrando o Tabu - Após a quebra de sigilo bancário de Flávio Bolsonaro e outras 94 pessoas ligadas a ele, a Justiça do Rio identificou crimes de peculato, lavagem de dinheiro e organização criminosa, sendo cometidos desde 2007. Só Flávio Bolsonaro embolsou 9,24 milhões de reais. Será que Jair Bolsonaro vai dizer agora que “bandido bom é bandido morto”?

Nenhum comentário: