sexta-feira, 13 de abril de 2018

Prefeita Monica ameaça demitir servidores do PC do B que declarem apoio a Robério Monteiro

"A ordem,  que tem que ser obedecida, é votar nos candidatos do Sérgio Aguiar"


A Prefeita Monica Aguiar  reuniu todos os servidores públicos do Município que são filiados ao PC do B, e que ocupam cargos comissionado no Governo e contratos temporários,  para questionar quanto a posição individual politica de cada um, a respeito do deputado  federal que eles  irão votar nas eleições deste ano. A Chefe do Executivo deixou claro que todo e qualquer servidor que deixar de votar  em Leônidas Cristino, para votar em Robério Monteiro, será demitido do cargo e exonerado do quadro de servidores da prefeitura de Camocim. 

"A ordem,  que tem que ser obedecida, é votar nos candidatos do Sérgio Aguiar", teria dito a prefeita irritada com a situação que se tornou pública em Camocim ganhando repercussão na Assembleia Legislativa do Estado do Ceará, as vésperas de uma importante reunião estadual do PDT em Camocim, com a presença dos lideres do Grupo Estadual a qual  eles (Monica e Sérgio) fazem parte. 

A reunião aconteceu na tarde de ontem (12) no Gabinete da Prefeita, de forma individual, logo após o vereador Oliveira da Pesqueira anunciar AQUI que o PC do B não apoiará Leônidas. 

Os vereadores Oliveira e James, e outros membros do Comitê do Partido, fecharam com Robério Monteiro. Os demais partidários da Sigla deverão apoiar o federal do partido, o deputado Chico Lopes.

Monica chorou

A prefeita Monica, visivelmente abalada, chorou ao receber os filiados do PC do B durante a reunião, quase que apelando para um sentimentalismo que não existe no trato direto com a questão politica. Sérgio e Monica não cumpriram acordos com o PC do B, e estão pagando pela infidelidade no grupo.

Carlos Jardel

Nenhum comentário: