terça-feira, 28 de julho de 2020

Sindicato lança campanha para pais escolherem se filhos terão aulas presenciais ou não, entenda


Nesta segunda-feira (27), o Sindicato dos Estabelecimentos Particulares de Ensino (Sinepe-CE) divulgou por meio de redes sociais a campanha Pelo Direito de Escolher, em que procuram trazer a possibilidade de os pais escolherem se levarão ou não os filhos à escola. De acordo com o documento da campanha, desde 17 de junho membros do sindicato já se reuniram 11 vezes e ainda não há data para a volta da atividade presencial na 4ª fase do plano de retomada.

Ainda de acordo com o documento, o governo estaria cerceando o direito constitucional de acesso à educação, sem motivo técnico. De acordo com o sindicato, as crianças que frequentarem escolas irão seguir os protocolos de higiene. “Ficamos felizes por saber que 95% já está liberado. Da mesma forma que as famílias têm direito de optar por levar ou não seus filhos a restaurantes, supermercados, shoppings, barracas de praia e academias, deveriam poder optar por levar ou não seus filhos às escolas”, destaca o Sinepe na campanha.

Informações do Jornal O Povo.

Nenhum comentário: