terça-feira, 3 de setembro de 2019

Glenn Greenwald revela no Roda Viva que Sérgio Moro é “corrupto”


O jornalista norte-americano Glenn Greenwald, cofundador do site The Intercept Brasil, revelou nesta segunda-feira (2) que o ministro “Sérgio Moro é corrupto”. A declaração do responsável pela Vaza Jato se deu ao vivo durante entrevista no programa Roda Viva, da TV Cultura.

Com segurança, Greenwald reafirmou várias vezes aos entrevistadores que o procurador Deltan Dallagnol, coordenador da força-tarefa Lava Jato, e o ex-juiz Moro são corruptos porque, segundo o entrevistado, cometeram ilegalidades nos últimos cinco anos.

Dois dos crimes que a dupla Moro e Deltan teriam cometido na Lava Jato, de acordo com Greenwald, seria 1- quando o juiz pediu para que FHC não fosse investigado e 2- quando Deltan pediu ajuda financeira para parceira de Eike Batista e André Esteves, ambos investigados na operação. A investidora “anjo” do procurador não foi denunciada.

O cofundador do Intercept, em vários momentos, explicou que não ilegalidade quando o jornalista recebe arquivos obtidos de forma ilegal. Greenwald disse que é obrigação do profissional de imprensa divulgar as informações que sejam de interesse da sociedade.

“Oficiais de Estado [como juízes e procuradores] têm responsabilidade e limite em como eles podem usar seu poder que cidadãos privados e jornalistas não têm”, delimitou.

Ao ser perguntado se Moro poderia ganhar a eleição presidencial, em 2022, Glenn Greenwald foi cirúrgico.

“Se Jair Bolsonaro pode ganhar uma eleição, qualquer um pode.”


Blog do Ismael

Nenhum comentário: