quarta-feira, 24 de julho de 2019

Pier - confira as diferenças entre o de Granja e o de Camocim.

Pier de Camocim
Pier de Camocim levanta suspeita de superfaturamento

A comparação entre os referidos equipamentos públicos das respectivas cidades diz respeito a opinião pública no tocante aos valores investidos nas obras, na qualidade do material e do serviço. Não se trata de uma guerra diplomática e politica entre os municípios vizinhos. Isso é fora de cogitação.  Observa-se a máxima de que os bons exemplos em gestão pública devem ser nutridos e, na medida do possível , copiados para o bem da coletividade.

A respeito da comparação, pesa, por tanto, a suspeita de  que a obra do pier de Camocim  tenha sido construída através de superfaturamento.

Então, vejamos:

O Píer construído pela prefeita  Monica e Sérgio Aguiar, em Camocim, teve o valor R$600 mil, 3 metros de largura, 20 m de comprimento, madeira de serraria, não tem concreto e nem ferro, postes feios com Iluminação amarela, que inclusive já quebrou 2 vezes apenas com efeitos de marola.

Já o Píer feito pela prefeita  Amanda e Romeu Aldigueri, em Granja, custou aos cofres públicos: R$183 mil,  tem 7 metros de largura, 52 m de comprimento, madeira de eucalipto ecológico, mais de 2 toneladas de concreto e ferro, postes modernos com iluminação branca de led, já sofreu 6 meses de correnteza braba do rio batendo nele e não quebrou e tem despertado a atenção da região por sua beleza.

Granja


Na semana passada, o Governador Camilo Santana, a Primeira Dama Onélia Leite, o Deputado Estadual Romeu Aldigueri, a Prefeita Amanda Aldigueri e Deputado Federal Robério Monteiro visitaram o Píer Ecológico de Granja, fazendo com que o equipamento fosse aberto oficialmente a visitação da população.

Ainda sobre Camocim:

Impossível acreditar que uma obra construída com materiais de qualidade duvidosa, e com constantes problemas num curto espaço de tempo após sua inauguração, tenha alcançado valores exorbitantes, que daria para construir um equipamento bem mais resistente e belo.

Como dia a Roselena: acorda Camocim!


Carlos Jardel

Nenhum comentário: