sexta-feira, 13 de abril de 2018

Erasmo responde ao insulto da prefeita, faz questionamentos e a desafia para um debate público


O vereador Erasmo Gomes respondeu aos insultos velados que a  prefeita Monica Aguiar lhe fez  durante entrevista na Rádio Meio Norte FM , hoje a tarde. Ela negou que o teria convidado para assumir a nova pasta do seu Governo - a de Segurança Pública - e ainda o tratou depreciativamente. 


"Soube que a Senhora Prefeita deu uma entrevista hoje, achei que ela poderia ter aproveitado a oportunidade para falar para as centenas de mulheres, professoras, mães de famílias e professores da cidade, o que fez com o dinheiro deles, e se algum dia vai responder o ofício que enviei solicitando o destino do 5 milhões sacados dos precatórios.

Outra dúvida, porque seus vereadores desaprovam meu projeto que criava a casa de apoio à gestante?

De forma respeitosa aceitaria e faço um convite para debater sobre os problemas da cidade ao vivo, sem assessores, com foco em apresentar problemas e soluções para nossa cidade. Um dia teremos a oportunidade!

Enquanto isso, continuarei fiscalizando e sugerindo, mesmo que não seja reconhecido, afinal de contas, fazer um bom trabalho é uma obrigação, pois somos muito bem pagos para isso, principalmente ela que recebe um pagamento praticamente igual ao do governador do estado".

Entenda

Durante sessão legislativa, o vereador Emanoel Vieira, líder da prefeita, indicou Erasmo Gomes para assumir o comando da Pasta. Erasmo recusou a indicação dizendo que não acreditava no Governo da Prefeita Monica, e por não acreditar, não aceitaria ser seu secretário. 


Pensando bem

A prefeita deve ter ficado frustrada com a recusa de Erasmo. Talvez ela tenha imaginado calá-lo com a proposta. Erasmo tem feito denuncias e criticas ao Governo.  Se assim foi, a chefe deu com os burros n'água. E pra não ficar derrotada, preferiu desmentir o vereador Emanoel Vieira, dizendo que nunca o convidou e nem o convidaria.

Carlos Jardel 

Nenhum comentário: