quarta-feira, 6 de dezembro de 2017

Desbloqueadas as contas da prefeitura de Chaval. Justiça considerou o rombo de mais de 20 milhões deixado pelo ex-prefeito

O Juiz Saulo Gonçalves Santos determinou o desbloqueio das contas da Prefeitura de Chaval após acatar as justificativas apresentadas pela Procuradoria Geral do Municipio, que junto a petição protocolou um cronograma com as datas para quitação do pagamento em atraso dos servidores municipais, motivo que levou ao bloqueio das contas em novembro deste ano. 

De acordo com o procurador Dr.Gildo Lima, o atual prefeito Sebastião "recebeu a administração pública do Município de Chaval, em 1º de Janeiro de 2017, totalmente desorganizada e sucateada, e ainda com uma dívida de aproximadamente mais de R$ 20.000.000,00 (vinte milhões de reais), deixada pelo ex-prefeito Pacheco Neto, que também deixou  os salários atrasados dos servidores referente ao mês de dezembro de 2016".

"O prefeito Sebastiãozinho foi  obrigado a iniciar a administração reduzindo gastos para pagar a herança irresponsável  do ex-gestor, que sucateou o município", pontuou Dr. Gildo Lima

"Mas, para a infelicidade, ainda mais, da administração atual, a partir do mês de julho do corrente ano os recursos tiveram uma redução altamente significativa, ocasionando dificuldades para o pagamento em dia dos funcionários desta edilidade", justifica a Procuradoria Municipal na petição acatada pelo Juiz Saulo.

Carlos Jardel

Nenhum comentário: