quarta-feira, 11 de setembro de 2019

Vereador Erasmo Gomes pede desculpas à população


Depois de discursar por mais de 13 minutos na Tribuna da Câmara, na Sessação Legislativa do dia 06 de setembro, o vereador Erasmo Gomes (PSL) pediu desculpas à população de Camocim e aos seus eleitores por ter se excedido durante debates com seus pares no parlamento municipal. 

Durante o pronunciamento, o vereador do PSL fortaleceu a tese de que tem sido vitima de perseguição politica por estar fazendo seu papel de vereador de oposição, denunciando o governo Monica Aguiar. 

"Eu gostaria de aproveitar o momento para pedir desculpa à população de Camocim quando, em algum momento me excedi, quando fui atacado e humilhado nessa casa. Realmente um membro do parlamento, mesmo que ofendido, tem que entender que quem está sendo visto é o ofensor.  E se em algum momento eu me excedi, por causa de provocações ou até mesmo por causa das ofensas, peço desculpas a todos os meus eleitores por causa disso. Não tenho do que me desculpar com os que me ofenderam, por que nos sabemos aqui quem ofende quem"

O vereador Erasmo Gomes foi denunciado por quebra de decoro parlamentar e chegou a ter o mandato cassado por 13 votos a 02, após a Comissão Processante ter apurado as denuncias e levado ao Plenário o parecer final que lhe foi desfavorável. Ele recorreu na Justiça contra a decisão da Comissão, alegando que não lhe fora  dado o direito de ampla defesa. O Juiz lhe concedeu uma liminar anulando sua cassação e pediu explicações da Câmara. 

Carlos Jardel

Nenhum comentário: