terça-feira, 3 de setembro de 2019

Colombianos suspeitos de lavagem de dinheiro e agiotagem são alvos de operação da Polícia Civil

Um grupo de colombianos suspeitos de cometer os crimes de lavagem de dinheiro e agiotagem é alvo de uma operação da Polícia Civil, na Região do Cariri, na manhã desta terça-feira (3). Pelo menos 11 pessoas foram presas durante a ação. Brasileiros também estão entre os detidos

De acordo com os agentes, o esquema crimininoso movimentou milhões de reais, mas a quantidade especifica ainda não foi divulgada. Parte dos valores era enviada para a Colômbia em forma de lavagem de dinheiro, segundo as investigações.

Foram cumpridos 9 mandados de prisão, 31 de busca e apreensão e 17 de sequestros de bens nas cidades do Crato, Juazeiro do Norte e Barbalha. Outras duas pessoas foram presas em flagante pela prática de agiotagem. 

Ainda segundo a Polícia Civil, os suspeitos são investigados há quatro meses e enviavam parte do dinheiro obtido no esquema criminoso do Ceará para Colômbia numa rede de engenharia financeira internacional, suspeita de relizar crimes contra a economia popular (agiotagem), lavagem de dinheiro, extorsão e ameaça.

O grupo, segundo a investigação, explorava pessoas em situação economicamente vulnerável, emprestando dinheiro a juros exorbitantes. Com os supeitos foram apreendidos motocicletas, carros e R$ 20 mil em moeda nacional e estrangeira (dólar, euro e pesos colombianos).

Mais detalhes serão divulgados em coletiva ainda nesta terça-feira.

Diário do Nordeste

Nenhum comentário: