quinta-feira, 22 de agosto de 2019

Deputado Romeu fala sobre quebra de decoro de André Fernandes


O deputado Romeu Aldigueri (PDT), ouvidor do Conselho de Ética da Assembleia Legislativa do Ceará,  sustenta que fatos contra André Fernandes ficam comprovados. 

Quanto a construção do processo administrativo disciplinar, Aldigueri apresenta três atenuantes a serem consideradas, ou não, pela Conselho de Ética: a idade do deputado André, 21 anos, o primeiro mandato e o arrependimento do mesmo, feito na Tribuna da Câmara.

O deputado do PSL cometeu quebra de decoro parlamentar ao acusar, sem qualquer prova, o deputado  Nezinho Farias (PDT), garantindo que o mesmo  integrava organização criminosa. 

André Fernandes poderá sofrer desde uma censura verbal, advertência por escrita, suspensão por 30 dias ou até mesmo a perda de mandato.


Carlos Jardel

Nenhum comentário: