quarta-feira, 3 de julho de 2019

Mensagem de Whatsapp serve de prova para garantir direito de consumidor

Empresa não quis trocar armário planejado e teve de pagar indenização.

Receber um produto diferente daquele que foi comprado é muito chato, não é mesmo? Isso aconteceu quando uma empresa de móveis planejados entregou um armário em tonalidade diferente daquela encomendada. Por mensagem de WhatsApp, a cliente pediu a troca do produto, o que não foi feito. O juiz - do TJRN - aceitou como prova as conversas no aplicativo de mensagens e condenou a empresa de móveis planejados a pagar indenização à cliente que não recebeu o móvel de acordo com o pedido no momento da compra.

Informações do Escritório de Advocacia Zenilson Coelho

Nenhum comentário: