sábado, 18 de maio de 2019

Vereador Marcos Coelho desafia vereador Erasmo a dizer o nome dos maconheiros da Greve Nacional da Educação em Camocim




Ao publicar o vídeo de seu pronunciamento, o vereador Marcos Coelho também acrescentou a seguinte postagem:

"O Sindicato-APEOC realizou na quarta-feira, dia 15,  uma importante luta, ao lado de centenas de estudantes e de professores, em defesa da educação pública, gratuita e de qualidade.

Infelizmente, o Vereador Erasmo Gomes, classificou esse movimento, aqui em Camocim, com sendo de "meia dúzia de maconheiros".

É assim que se trata a Juventude Camocinense e os organizadores desse evento democrático e popular?

Em tempo

Já que o vereador Erasmo Gomes não disse na Câmara o nome dos maconheiros, o Revista Camocim, de forma democrática,  abre o espaço para que o mesmo possa aqui nominá-los.

De qualquer forma, reforçamos o questionamento. Quem foram os maconheiros que organizaram o evento? foi o pessoal do Sindicato Apeoc?, o professor Mário Roberto?, o professor Neudson?, o professor Júnior? 

Foram os alunos do IFCE?, foi o Ray?, foi o Beto Siebra, do PSOL , seu primeiro partido politico em Camocim, Vereador? o maconheiro era esse blogueiro, hoje sem bigode e sem barba, que vos questiona? 

Quem eram os maconheiros?, tinha algum maconheiro ou era mentira sua? 

Carlos Jardel

Nenhum comentário: