terça-feira, 2 de abril de 2019

Granja e Martinópole possuem as menores taxas de mortalidade infantil. Já Camocim só faz piorar.


A Mortalidade infantil consiste na morte de crianças no primeiro ano de vida e é a base para calcular a taxa de mortalidade infantil, que consiste na mortalidade de crianças menores de 01 ano de idade observada durante um ano, referida ao número de nascidos vivos do mesmo período. Esse dado é um indicador da qualidade dos serviços de saúde, saneamento básico e educação. Os óbitos infantis estão associados à falta de assistência durante o pré-natal e no primeiro ano de vida, à ausência de saneamento básico adequado além de estar diretamente relacionado a baixos níveis de escolaridade, dentre outros.

Por outro lado, a melhora global das estruturas de saúde, educação e saneamento favorece a redução da mortalidade infantil. Esse importante indicador de saúde demonstra a efetividade da assistência no sistema de saúde e tem sido considerado um marco importante para verificar a qualidade dessa assistência.

A região de Saúde de Camocim tem estado alerta a esse indicador. O último ano foi marcado por dados significativos. O município de Granja apresentou a maior queda proporcional nesse indicador: de 22,3 em 2017 para 9,3 em 2018, e hoje detém juntamente com o município de Martinópole as menores taxas de mortalidade da região. Um ponto importante da análise da taxa de mortalidade infantil da região é que apenas o município de Granja apresentou declínio. O município de Martinópole apresentou leve crescimento, mas ainda apresenta a menor taxa, ao passo que  Camocim apresenta crescimento da taxa. 

Camocim é o município considerado referência regional na Rede Assistencial, possui um histórico de maiores aportes financeiros do governo federal e estadual em seus serviços de saúde e menos dificuldades geográficas que Granja, além de sediar a Regional de Saúde – 16ª CRES e a sede da Policlínica Cel Libório Gomes, o que facilita o acesso da população aos serviços de saúde. 

Para o município de Granja é uma marca histórica por representar a menor taxa dos últimos dez anos. O município é o maior em extensão territorial e apresenta a maior quantidade de barreiras geográficas, como rios, durante a quadra invernosa. Alcançar a redução da mortalidade infantil é uma conquista que representa o quanto o município evoluiu nos últimos anos, ampliando o acesso aos serviços de saúde e ofertando serviços de qualidade para a população. 

Carlos Jardel

Nenhum comentário: