quinta-feira, 22 de novembro de 2018

Há 3 meses sem pagamento, transporte escolar de Camocim deve paralisar no dia da prova do Spaece

Os motoristas do transporte escolar de Camocim prometem paralisar novamente as atividades no próximo dia 27, data em que será aplicada  a prova do Spaece para os alunos do 2º, 5º e 9º ano em todas as escolas da rede pública municipal.

"Estamos há 3 (três) meses sem receber pagamento", informou ao blogue  um motorista e proprietário de veiculo, que desabafou: "não temos mais condições de manter a situação. Estamos pagando para trabalhar, endividados nos postos de gasolina e nas casas de peças, sem falar na precisão que estamos passando em casa, sem crédito no comércio, devendo aluguel de casa, água, luz, mercearia, e outras coisas. E a prefeita Monica não resolve nosso problema.  O último pagamento foi realizado no mês de setembro e foi apenas a metade do salário", disse um dos motoristas que pediu para não ser identificado. 

No setor de finança da prefeitura, de acordo com os motoristas, o secretário da pasta diz não saber o que fazer para regularizar a situação. Com isso, a paralisação da atividade agendado para o dia 27, próxima terça-feira, não tem data de retorno. Ou seja, os motoristas só deverão voltar a circular quando o problema for resolvido. 

" Não queremos prejudicar os alunos e nem a Educação do Município. Sabemos que neste dia os alunos irão realizar uma prova muito importante,  mas  nós também estamos sendo bastante prejudicados, e não temos mais condições de continuar dessa forma, sendo enganados. Chegamos no fundo poço", pontuou.

Alfinetada

As clássicas perguntas: por que a prefeitura não paga os trabalhadores? O que a prefeita Monica fez com o dinheiro do transporte escolar? Gastou na campanha politica do seu esposo, o deputado Sérgio Aguiar? O deputado gastou o dinheiro com os shows de comemoração de sua reeleição, contratando banda de forró para tocar nas praças públicas de Martinópole e Camocim? O dinheiro foi pra onde, pro bolso de quem? 

Carlos Jardel

Nenhum comentário: