segunda-feira, 5 de novembro de 2018

Granja comemora 164 anos com mais dignidade. Já Camocim...

A prefeitura de Granja comemorou os 164 anos de emancipação politica do Município da forma  como tem comemorando a data nos últimos anos, com ações institucionais e esportivas, obedecendo os acordos e as orientações firmadas com o Ministério Público, que tem orientado apenas a realização de duas grandes festas durante o ano, no caso, carnaval e granchitão.

Com isso, vale ressaltar que Granja, no percurso de seis anos, se consolidou como a cidade dos melhores e maiores carnavais e festivais Juninos do Ceará, com grandes atrações nacionais e uma mega infraestrutura de palco, som, iluminação e sendo referência no forte esquema de segurança particular e de policiais civis e militares, sendo que nesta última edição junina até uma delegacia móvel da Policia Civil foi implanta para dar cobertura ao evento.

Com estas festas, os granjenses acabam comemorando também os avanços na educação, na infraestrutura, na saúde, na cultura, na segurança pública e no ordenamento das demais politicas públicas que deslancharam no município, garantindo melhor cidadania para a população. 

Além disso, Granja mantém o pagamento dos servidores públicos rigorosamente em dia, inclusive dos professores, cujo pagamento está agendado para o próximo dia 09.

Já em Camocim

Apesar das bençãos de Bom Jesus e das maravilhas naturais dadas por Deus, os motivos para comemorações de algo na esfera da politica de governo não são muito boas: atraso salarial de servidores terceirizados, eventos festivos de pouca expressão, inclusive o  aniversário da cidade, falta de médicos e mediamentos e o sucateamento das escolas da rede pública municipal dentre outros.

No momento, por exemplo, os servidores do Mercado Público foram todos demitidos e  com salários atrasados. Recentemente, os garis paralisaram o serviço de limpeza pública justamente pro falta de pagamento.

Os professores sofrem com as ações da prefeita que nega-lhes o direito do precatório, sem falar nos concursados que foram enganados pela prefeita Monica. E assim segue a peleja do povo camocinense.

Carlos Jardel

Nenhum comentário: