quarta-feira, 7 de novembro de 2018

Chaval - Será?

O Vereador Bola, de Chaval, até então de situação, nos últimos dias, tomou algumas atitudes que tem deixado muita gente com a "pulga atrás da orelha": votou pelo arquivamento do processo que envolve a vereadora Claudete, que foi acusada de  participar de um esquema corrupto de compra de votos para a presidência do legislativo em 2017, e  na última sessão ele (Bola) entregou o posto de líder da bancada de situação na Câmara sem grandes explicações.

Apesar de não ter sido confirmado ainda, o comentário mais forte, que circula nos bastidores, é de que o mesmo já está se articulando com o Júnior Cabeção em torno da eleição para a presidência 2019.  

As bocas miúdas e graúdas de Chaval também dão conta de que foi justamente por causa desta articulação da presidência  que ele votou pelo arquivamento do processo da vereadora Claudete, para livrar o vereador Júnior que, de tabela, poderia ser prejudicado, pois o mesmo é  mencionado no processo e  poderia ser envolvido e até mesmo ter o mandato cassado.

Bola e Júnior cabeça estariam celebrando o famoso esquema: "uma mão lava a outra e as duas se lavam".

Será?

Na politica, como dizem os mais experientes e o poeta: "tudo pode acontecer, inclusive, nada!

Carlos Jardel 

Nenhum comentário: