quarta-feira, 30 de maio de 2018

Não entendi: Comissão de Ética da Câmara? Lera esqueceu da real sobre os "cachorros, lisos e fodidos?"


O vereador César Veras (PDT) disse na última sessão que irá fazer valer o Conselho de ética da Câmara, tentando demostrar que é uma vereador comprometido com a boa índole da instituição e que tem zelo pela tal. Bom, mas, veja bem: ele apenas está tentando conspirar contra o vereador Erasmo Gomes, devido o mesmo, em sessão anterior a última, durante fala no plenário, em determinado momento,  ter lembrado da critica pejorativa  que um empresário  fez aos vereadores de Camocim, chamando-os  de “cachorros, lisos e fodidos”.

Agora o César Veras, por pura implicância politica, ameaça tratar Erasmo na Comissão de Ética da Câmara.

Mas veja bem o quanto o vereador é um politico asqueroso e hipócrita; Ele, na condição de Presidente da UVC, na ocasião em que o empresário ofendeu o parlamento, destratando os vereadores publicamente, ficou calado, não disse nada, não pediu retratação, se acovardou, colocou o "rabo entre as pernas" e deixou a ofensa imperar, ganhando as ruas e fazendo a Instituição Legislativa Municipal virar piada e objeto de descredito popular.

Na época, o empresário enviou uma nota de retratação, afirmando que errou ao generalizar, pois na realidade ele estava se dirigindo tão somente a um vereador. E apesar de não citar o nome deste vereador, em sua nota de retratação, teria confessado para  várias pessoas que o "cachorro, liso e fodido", tratava-se do vereador César Veras.... 

E sabe o que o César Veras fez em defesa de sua honra? resposta: Nada! 

Por tanto, ele, César Veras, que é conhecido também  como César Lera - apelido recebido, inclusive, por pessoas do seu próprio grupo -,  não tem moral para conduzir ou acionar a Comissão de Ética da Câmara contra ninguém. E repito: se vier a fazer isso será por motivações puramente politiqueira, sem compromisso com a ética ou muito menos em defesa do Parlamento.

Atualizado às 16h32min

Carlos Jardel

Nenhum comentário: