sábado, 13 de janeiro de 2018

Sobre a tal licitação milionária do carnaval de Barroquinha, a questão é: só sofrência da Oposição!

Em contato com a prefeitura de Barroquinha, a respeito do procedimento licitatório para a seleção de empresa para o registro de preços para o carnaval e futuros e eventuais serviços de execução e promoção de festividades, No valor de R$ 1.298.058,16 (um milhão, duzentos e noventa e oito mil,cinquenta e oito Reais e dezesseis centavos) recebemos a seguinte informação do setor de licitações: 

"O Município de Barroquinha faz um processo licitatório prevendo todos os eventos que o município venha realizar ou não no decorrer do ano, sob a modalidade pregão presencial para registro de preços, onde a administração registra os preços dos itens necessários para a execução do evento e depois decide se há viabilidade ou não de executa-lós, dependendo sempre dos recursos financeiros disponíveis. O valor médio expresso no edital é só um parâmetro que é utilizado para a realização do processo licitatório, podendo esse valor ser reduzido, de acordo com a concorrência no dia do pregão. É feito somente um processo para a realização de todos os eventos do ano, pois os órgãos fiscalizadores recomendam essa prática, uma vez, que a realização de processo licitatório para cada evento, caracteriza fracionamento de despesa, e assim podendo gerar penalizações futuras para o gestor responsável".

Resumindo: a Prefeitura não pagou mais de um milhão de reais  na festa do Carnaval deste ano  (2018), e também não está dizendo que irá pagar tal valor que, ao nosso ver, seria um absurdo, diante das dificuldades financeiras que o Município se encontra.

Alfinetada

As especulações não passam de intrigas da Oposição falida, querendo jogar a população contra o governo, criando resenhas para tentar sobreviver, colocando chifres em cabeça de cobra. É  a famosa sofrência, por puro medo de que o  prefeito Ademar venha a realizar um carnaval de peso para fomentar o turismo e a economia local. Os falidos, comandados pelo homem do paletó, sofrem com o bem estar da população.

Carlos Jardel

Nenhum comentário: