sexta-feira, 24 de novembro de 2017

"Nossa resposta ao Sindicato APEOC foi 'sim integralmente'. Já atual prefeita nem compareceu", lembra Chico Vaulino

"Lamentamos profundamente pela insensatez do atual Governo Municipal"




Na campanha politica de 2016, quando Euvaldete Ferro se disponibilizou para o serviço público, colocando seu nome à disposição do povo, para governar a prefeitura, vários compromissos foram assumidos para melhorar a vida da população. Um deles foi celebrado juntamente com o Sindicato APEOC, em que garantimos, se caso fossemos eleitos, repassar para os professores os 60% do precatório do FUNDEF , por uma questão de valorização do magistério, Justiça e bom senso. Por tanto, nossa resposta ao Sindicato APEOC foi “sim Integralmente”. Precisávamos manter a linha de coerência com o histórico de valorização empregado pelo nosso governo ao longo de 08 anos.

Na mesma ocasião, a então candidata da situação, a atual prefeita, sequer compareceu na entrevista promovida pelo Sindicato APEOC, sinalizando total desinteresse e falta de compromisso com a causa dos professores.

Lamentamos profundamente pela insensatez do atual Governo Municipal, e ao mesmo tempo lançamos nossa mensagem de otimismo, para que os professores se organizem, se unam na luta em defesa de seus direitos, na busca pela garantia do que é justo. E é justo e de direito que os professores recebam os 60% do precatório do FUNDEF.

Sem a organização da categoria, sem a união dos profissionais e demais parceiros desta empreitada, é impossível haver vitória. Nesta sentido minha mensagem é de força e fé na luta, que são elementos imprescindíveis para se alcançar os objetivos.

Aproveitamos para parabenizar o Sindicato APEOC, especialmente a comissão camocinense, pela valorosa contribuição que tem dado na Educação de Camocim, pela coerência com que conduz a instituição.

Um forte abraço de Chico Vaulino e Euvaldete Ferro e vamos pra luta!

Nenhum comentário: