sexta-feira, 8 de setembro de 2017

DESTA VEZ, VEREADORES DA PREFEITA FECHAM AS PORTAS DA CÂMARA PARA A JUVENTUDE

Proposta de Marcos Coelho para realização de Audiência Pública com a Juventude foi negada pela Bancada do Governo Monica


Mais uma vez os vereadores da prefeita Monica fecham as portas do poder legislativo para o debate popular, rejeitando a proposta do vereador Marcos Coelho (PSDB), que solicitou uma audiência pública para discutir com a juventude, através de representações dos alunos das escolas públicas de ensino fundamental e médio, e também dos universitários de Camocim, o projeto de Lei que cria o Conselho Municipal de Politicas Públicas de Juventude. A proposta primeiramente foi rejeitada pela Comissão de Constituição e Justiça,  e posteriormente pelo Plenário da Câmara, por 10 (dez)  votos a  4 (quatro).

Votou a FAVOR da participação da Juventude

Marcos Coelho
Juliano Cruz
Erasmo Gomes.
Júlio César

Votou CONTRA a participação da juventude

César Veras
Iracilda
Lucia da Ematerce
Oliete
Nilson do Hospital
Dr. Ismael
Oliveira da Pesqueira
James do Peixe
Zezinho da Rádio
Vereador Ricardo.

O presidente Kléber só votaria no caso de empate

"A Prefeita Monica Aguiar, autoritariamente, cria sozinha, em seu gabinete, um Projeto de Lei sobre Políticas Públicas de Juventude. E, ainda, determina que sua bancada de vereadores, votem contra nossa proposta de democratizar a discussão, impedindo que os próprios jovens, da cidade e do interior, façam suas sugestões para melhorar o referido projeto de lei. Pergunta-se: como se pode aprovar um projeto para a juventude se a própria juventude fica de fora da sua discussão e aprovação?", postou o vereador Marcos Coelho na sua linha do tempo no Facebook.

Confira o vídeo acima.

Carlos Jardel

Nenhum comentário: