segunda-feira, 31 de julho de 2017

ECOGOLD: RUAS LIMPAS E MEIO-FIO PINTADO!

Agora, a população precisa colaborar! 



Este é o cenário de limpeza (foto), que se espera ver em todas as ruas de todos os bairros de Camocim e que, visivelmente, a empresa Ecoold, responsável pela coleta de lixo, através do seu gerente em Camocim, o Jean, tem tentado fazer e, de certa forma, tem conseguido, colocando regularmente e estrategicamente os profissionais da limpeza com seus equipamentos nas ruas. O resultado, em pouco tempo, tem sido positivo. Porém, o serviço precisa melhorar e isso só será possível se a população colaborar significativamente. E este é o problema, pois, apesar de uma parcela da população compreender e colaborar com a limpeza,  outra parte faz questão de sujar propositalmente ou  por pura ignorância sobre os melíficos que isso provoca na saúde pública. O exemplo claro desta situação vem da constatação de que, em alguns pontos considerados críticos, a empresa colocou grandes contêineres para que os moradores não jogassem o lixo nas vias, mas isso tem sido inútil, pois o lixo continua sendo jogado "fora do tambor", como restos de comidas, sacolas plásticas, animais mortos, e até mesmo fezes humanas e animais. 

Vamos entender

O Revista Camocim foi o blog que mais criticou a limpeza pública da cidade na gestão Monica. Denunciamos os absurdos de dinheiro que as empresas anteriores recebiam mas que não prestavam  o serviço como deveriam.  A cidade estava coberta por toneladas de lixo. E o povo jogava lixo na rua por que não podia acumular por meses dentro de casa. E o lixo se acumulava nas ruas por que não existia coleta.  Agora a situação é diferente: existe a empresa que faz a coleta regularmente, os garis são pontuais, com caminhões e coletores modernos, o próprio gerente da empresa está em campo e é solicito à quem reclama. Porém, o povo, minimamente, precisa contribuir. Pelo menos jogando o lixo dentro dos tambores, observando a fidelidade dos dias e horários em que o carro passa fazendo a coleta. Isso é o minimo!

Criticávamos por que não tínhamos o serviço. Agora, que já temos o serviço, e tem dado resultados, temos que continuar cobrando melhorias, mas dando a nossa contrapartida, afinal de contas, limpeza pública é uma responsabilidade de todos. 

Investimento 

É preciso investir insistentemente na conscientização para se chegar a uma elevada cultura de limpeza pública, para termos uma cidade limpa. Para isso, a prefeitura, através da secretaria responsável, juntamente com a empresa que presta o serviço, precisa desenvolver atividades neste sentido junto à população. Ao contrário, a limpeza pública nunca conseguirá alcançar patamar mais saudáveis e nada, de fato, mudará.

Carlos Jardel 

Nenhum comentário: