segunda-feira, 20 de março de 2017

POLO UNIVERSITÁRIO EM CAMOCIM? ORA, É SÓ COBRAR A PROMESSA DA PREFEITA!

 Para quem prometeu efetivar um campus da 
UVA, UFC e UAB, um requerimento é fichinha! 

O vereador Erasmo Gomes apresentou um requerimento na Câmara de Camocim solicitando do Governo Municipal a aquisição de um polo universitário para a cidade, oferecendo cursos de graduação e pós graduação, em parceria com o Governo do Estado...

O requerimento, apesar de não ser exclusivo,  foi perfeito! 

Agora, neste caso, o correto seria cobrar a prefeita Monica Aguiar pela promessa feita ainda na campanha eleitoral em 2012, em que ela garantiu "transformar Camocim em  um polo universitário, efetivando o campos da UFC, UVA e UAB".  A  promessa , inclusive, foi registrada em cartório, lembra? 

Ora, caro leitor, se a chefe do executivo municipal tem ignorado sua própria promessa, imagine o  que fará com o requerimento de um vereador de oposição.

No mais, tenho acompanhado a vida parlamentar de Camocim nos últimos anos e posso garantir que muitos projetos e requerimentos, sem noção, ficam boiando no lago do esquecimento do Executivo. E boa parte dos nossos legisladores também não se atentaram para o óbvio: de que certos requerimentos são inúteis, principalmente quando não entram na lista de prioridades do orçamento municipal. E por falar nisso, seria bom se nossos legisladores viessem a se debruçar sobre o "orçamento público participativo" em que constam as prioridades de investimentos em obras e serviços na cidade, apontadas diretamente pela população. Da mesma forma que o Plano Diretor do Município, constituído de forma democrática, rezando sobre a politica de desenvolvimento da cidade. Isso sim ajudaria bastante na formulação de propostas legislativas mais consistentes e pressionaria o gestor a envidar esforços administrativo para executar o que se planejou com aval popular. 

Em tempo

O requerimento do Vereador Erasmo é válido, oportuno e, repito:deve servir para lembrar a gestora da cidade, de que já está passando da hora de cumprir sua promessa. 

Carlos Jardel 

Nenhum comentário: