sexta-feira, 17 de março de 2017

DERROTADA, SAIU CHORANDO PORTA AFORA

Comenta-se em boca miúda que uma autoridade pública, muito conhecida na região,  saiu chorando derrotada na tarde de ontem de um determinado órgão de saúde pública do Estado após uma reunião em que lideranças politicas tratavam da transição administrativa deste referido órgão. É que a pessoa chorona "não queria largar a mamadeira"  e, inutilmente,  teria inventado mil justificativas para deixar os seus no comando do equipamento Público.

Resmungou, brigou e esperneou, mas, no final, não teve pra onde correr! Saiu derrotada e chorando!

O nome da autoridade chorona ? Um dia eu falo! 

Carlos Jardel 

Nenhum comentário: