sexta-feira, 7 de outubro de 2016

UM DETALAHE DA POLITICA

Por pastor Elzênio Lopes

Na época das eleições, os grupos políticos organizam uma equipe de pessoas para fazer as tais pesquisas eleitorais nas casas das famílias. Homens e mulheres dizendo que vão fazer pesquisas, mas, eles não são do IBOP, e nem de uma empresa pra apresentarem para a população resultados de tais pesquisas. Eles são, na realidade, coletores de informações de pessoas que tem grande potencial de votos. Sabendo disso eles, (coletores) levam a informação para os lideres políticos ou pra outros candidatos pra facilitar o acesso a este eleitor e apresentar uma contra proposta. O eleitor se valoriza, dizendo que vota em alguém, mas na realidade está esperando, em alguns casos, é claro, a contra proposta. Tudo é como se fosse um comércio, uma negociata com o eleitor. É isso que faz a diferença nos resultados das eleições, pois fica fácil, devido o eleitor que não é obrigado a declarar seu voto, mas por não ser politizado,e as vezes interesseiros, faz o negócio. Ou seja, adere a tais candidatos.

Na minha opinião, esse tipo de pesquisa deveria ser proibida, pois influência o pleito eleitoral. Com isso muitos candidatos se surpreendem porque não foram votados, mas na realidade seus votos foram mapeados e conquistado de forma ilícita. Isso também se chama corrupção. É uma prática que deveria ser proibida. Um realidade que vim entender que acontece na política. Deus mude o Brasil.

2 comentários:

Gabriel Yegor disse...

Não quero aqui criticar o pastor Elzênio, e sem fazer apologias a partido algum até por que nunca fui partidário, não vejo nenhum problema em se conversar com o eleitor. Na minha residência fui visitado 5 (cinco) vezes, e com todos os que foram na minha casa conversamos civilizadamente sobre os problemas, soluções e bem estar de nós cidadãos de Camocim. Para mim foi bastante proveitoso, ninguém me ofereceu nenhum tipo de "ajuda" e muito menos eu me insinuei a tal. Como cidadão Camocinense e amando nossa cidade, aprecio saber o que os políticos pensam e projetam para o município.

Pr. Elzenio Siebra disse...

Agradeço seu comentário Gabriel Ygor. Não quero generalizar. Falei somente sobre um detalhe da política. A política deve seguir o caminho da proposta, do debate e não do embate, mas ela tem seguido mesmo é o campo do dinheiro. Não é seu caso, é claro. Muitas pessoas precisam ser politizada e com isso ganhará a cidade toda. Não podemos fazer a política para uma parte da população, mas do todo. Toda cidade desenvolvida. Todo mundo feliz. Toda cidade prosperando. Um forte abraço. Deus te abençoe. Deus abençoe o Brasil.