sexta-feira, 3 de junho de 2016

GOVERTO TEMER VAI PROPOR MUDANÇA NAS LEIS TRABALHSTA

O Governo interino de Michel Temer vai propor até o final do ano mudanças na Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT). Ontem o ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, afirmou que, apesar da sinalização, não há uma proposta pronta a ser apresentada. Ele também afirmou que a reforma da Previdência deve ser aprovada até o final de 2016.

“Se a Constituição é mudada aqui da forma que muda, por que não pode mudar a CLT?”, disse Padilha, em entrevista à agência de notícias Reuters. Ele também informou que o Governo pretende negociar com os trabalhadores e “construir alternativas”. De acordo com o ministro, algumas regras ainda dificultam a contratação de empregados.

A CLT estabeleceu a jornada de oito horas, a previsão de férias, salário mínimo, 13º salário, entre outras normas que regem até hoje os contratos de trabalho, apesar de ter sido atualizada. O ministro defende, no entanto, alternativas para se facilitar e diminuir custos da contratação de pessoal.

O POVO

Um comentário:

Roberto Veras disse...

Esse miserável do Michel Temer,tem que tá preso, cada a polícia federal que não envestigar esse canalha que quer acabar com nosso Brasil